A Nova Venus vem aí

Caso ainda você não saiba, a Venus está de mudança. A melhor estrutura para festa liberais do sul do Brasil vai ficar ainda melhor. Quem diria.

Por que mudar? Porque temos grandes planos para a Venus. E se a estrutura atual é excelente, não vai ser suficiente para as atrações, as festas, os eventos que temos programados para a nova estrutura. Precisávamos de um espaço ainda maior para fazer tudo o que sempre quisemos fazer, e tudo o que os clientes sempre pediram.

Nos últimos posts, e nos próximos, estamos apresentando aos poucos as atrações desta nova Venus, construída especificamente para abrigar festas liberais. É uma casa pensada para isso. Feita especialmente para isso.

Então, aproveite o blog para conhecer mais sobre a Nova Venus.

Floral Cinza

Mas, você pode se perguntar: por que não revelar o endereço? E a data de inauguração?

Duas ótimas perguntas. Eis as respostas.

Não revelamos o endereço porque, afinal, a casa ainda está em obras. Sabemos da curiosidade de solteiras, solteiros e casais, mas não queremos que as pessoas vejam o clube sem a glória que ele vai ter na inauguração. Sacos de cal, cimento, areia fina, não ficam bonitos.

Mas, além disso, o mais importante é o suspense. Nós trabalhamos duro – muito duro – para deixar a casa do jeito que sempre sonhamos. Por isso, queremos apresentá-la pronta. Perfeita. Como sempre a imaginamos. E queremos dizer que ela está ficando linda. E é assim que queremos que todos a vejam.

E a data de inauguração?

Está próxima. Muito próxima.

Quem quer que tenha feito uma pequena obra na garagem de casa sabe que as previsões costumam ir por água abaixo quando se trata de construção. Por isso, embora esteja tudo dentro do cronograma, não queremos criar uma data e apressar alguma parte da obra só para cumprir o calendário. A gente não quer fazer nada improvisado, corrido. Ou nas coxas, como se diz por aí. Não vamos inaugurar com tapumes. Vai estar tudo 100%

(Para você ter uma ideia do nível da preocupação, os móveis da nova Venus estão sendo construídos na nova Venus. Toda uma mini fábrica de produção de sofás, e camas, e pufes foi construída na nova Venus só para deixar o trabalho mais caprichoso).

Mas tem uma outra razão: a gente faz tudo conforme o livrinho. As inspeções e autorizações legais têm de estar em dia para que possamos abrir a casa. E a gente não brinca com segurança. De forma alguma.

Por fim: a nova Venus é tão ridiculamente perto da Venus atual, que é um pouco divertido ver o quanto o pessoal ainda não descobriu onde ela fica.

Mas não se preocupem. Todos serão avisados. E, é claro, estão todos convidados para o dia da inauguração. Ou melhor, para a semana da inauguração.

Não – não. Para o mês de inauguração. Porque um projeto deste tamanho  merece muitas celebrações.

Até daqui a pouco. A gente se vê na nova Venus

P.S. Mas não esqueça: a Venus está abertíssima e arrebentando a boca do balão nesta semana. Clique aqui e confira as festas da semana.

 

 

Descobrindo a Nova Venus. a pista techno

Uma pista exclusiva para quem gosta de música techno.

No segundo andar, uma segunda pista de dança, com música, luzes, ambiente, exclusivos. Como se fosse uma mini-Venus dentro da própria Venus.

Um segundo espaço de integração, troca de carícias, diversão, excitação. A música techno é ótima para colocar todo mundo em um estado de excitação que o que importa são as sensações.

Você não perderá por esperar. É magnífica.

 

 

Descobrindo a Nova Venus: os camarotes de pista

Essa sacada é genial e pra lá de exclusiva.

Imagine a cena: vários casais marcam uma festa particular na Venus e reservam um camarote exclusivo. A noite rola e, com ela, beijos, mãos, troca de carícias, excitação… Quando o desejo é grande, a melhor coisa é realizá-lo ali mesmo. Brincar ali mesmo.

Muitos não querem sair dali para um dos espaços privados que estarão no segundo andar. Já que a excitação é tão grande.

Pois bem! Fiquem no camarote: afinal, ele será daqueles que desejarem a exclusividade e, mais do que isso, estarão equipados com banheiros exclusivos.

Isso mesmo. É quase um clube dentro do próprio clube. Nestes espaços hiper-vip, você tem toda a visão da pista, um espaço confortável para a integração, e banheiros exclusivos para o conforto.

Se você quiser, poderá passar a noite inteira lá. E temos certeza que muita gente irá querer…

 

Descobrindo a Nova Venus: o tamanho

 

No total, são cerca de 3 mil metros quadrados – de área construída! Se for considerado, ainda, o estacionamento, então o tamanho se perde: é uma quadra inteira.

E onde fica?

Pertíssimo da Venus atual. É só atravessar a BR.

Mas, estamos nos adiantando. Estamos querendo trazer todo o encanto da Nova Venus aos poucos. Por isso, ainda não revelamos o endereço exato. Mas você pode brincar de Sherlock, e tentar encontrar via Google Maps!

Neste espaço gigantesco, seu carro nunca sai dos muros da Venus (sim, porque a quadra inteira é murada e o estacionamento é interno e completo).

Os banheiros são magníficos (meninas – fizemos o milagre da multiplicação dos banheiros para vocês, para diminuir suas filas), a chapelaria super segura, o bar hiper bem localizado.

Há um andar exclusivo para a dança e a integração – os mil metros quadrados do térreo.

Há outro andar exclusivo para a integração de solteiras, solteiros e casais – os mil metros do primeiro andar.

E há um terceiro andar secretíssimo – que será o diferencial da Venus nos próximos meses (no subsolo – mais mil metros).

É muito conforto e muito luxo.

Descobrindo a Nova Venus: um espaço de encontro para casais e solteiros

A Venus terá espaços exclusivos para casais, separado (para os que desejarem) do espaço para solteiros e solteiras.

Mas e se o casal quiser entrar em contato com solteiros, mas de forma mais discreta? E se solteiros estiverem envergonhados de chegar em um casal?

A Venus solucionou este problema.

No segundo andar, as cabines para integração de solteiros e casais. Podem ser usadas separadamente mas, se o desejo pintar, é o espaço perfeito para que, de um lado solteiros, e de outro casais, troquem carícias.

Se a coisa esquentar? É só escolher um dos muitos espaços Vip.

Toque e seja tocado; veja, sussurre, experimente.

Neste espaço de integração, vão mãos e bocas, beijos e sons – mas cada um de seu lado. Ótimo para provocar e excitar. Perfeito para fantasiar.

Descobrindo a Nova Venus: o Duplo Aquário

O que é o duplo aquário?

No segundo andar (que tem, aliás, 1000 metros quadros), haverá dois aquários.

São dois espaços envidraçados para que casais, solteiros e solteiras possam acompanhar shows eróticos, apresentações exclusivas ou, por que não, apresentarem-se aos outros clientes da Venus. Afinal, quem não tem um lado exibicionista?

Por que dois aquários?

Por em um pode haver um show feminino e, no outro, um masculino. Porque um pode apresentar um casal e, no outro, um show de bi feminino.

No centro do segundo andar: não tem como você não encontrá-lo.

Seus olhos não vão acreditar no que verão.

Descobrindo a Nova Venus: O Cinema

A Venus vai realmente ter uma sala de cinema?

Vai.

E é mais legal do que você está pensando.

Num espaço exclusivo, filmes eróticos poderão ser assistidos, não no desconforto das cadeiras tradicionais de cinema, mas em sofás-camas. Obviamente, o objetivo não é acompanhar o enredo complexo da produção cinematográfica.

É estimular o desejo. É construir a vontade.

Na Nova Venus você vai ter a chance de realizar aquele sonho antigo de transar no cinema. Sem perigo de ser expulso do Cinemark.

 

Gang Bang!

Fetiches. Quem não os tem?

O que não encontraríamos se a gente desse uma olhada em seu HD, ou no seu histórico de navegação pela internet?

Estamos em busca de seus fetiches preferidos. E, é claro, estamos dispostos a ajudar você a realizá-los.

E que tal experimentar – ou ao menos ver – uma verdadeira noite de Gang Bang?

Se você é uma pessoa pura e não sabe o que é Gang Bang, aqui vai uma explicação: trata-se de uma prática em que uma pessoa tem relações sexuais, ao mesmo tempo, com várias outras. Por exemplo, na didática foto acima, uma loira está transando com três homens (enquanto um quarto, cujas pernas brancas como as nuvens podem ser vistas no canto da foto, observa).

O modelo mais comum é o de uma mulher tendo relações com vários homens – e é este que iremos criar nesta quinta-feira, na Venus.

Em um quarto especial devidamente preparado, os rapazes entrarão em contato com as melhores especialistas no assunto Gang Bang.

Deixe seus pudores de lado e venha experimentar, conhecer ou apenas observar bem de pertinho.

banner

 

Vovó, aquela safadinha

Muita gente teve que ralar para que a Venus pudesse ser o que é. Inclusive muitos que nós não conhecemos.

O swing surge nos anos 50 nos Estados Unidos. Ninguém sabe direito como começou (os historiadores norte-americanos são uma caca) mas, nos anos 60, já havia centenas de milhares de praticantes. E, inclusive, clubes em várias cidades, e revistas especializadas. Como esta aí de baixo.

Consegue imaginar a vovó em poses sexy como essa? Consegue sim. Faça um esforço.

O swing vai chegar ao Brasil só no final dos anos 60, e não teremos uma revista dedicadas à troca de casais até hoje. Os mais velhinhos lembrarão da revista Private (que ainda existe) e que publicava vários anúncios. Hoje, os clubes são a melhor pedida.

Mas, nos anos 60 e 70 não tinha clubes no Brasil, não tinha revistas… então, como achar outros casais?

Publicando no jornal!

Os primeiros anúncios de casais swingers brasileiros saíam em jornais, especialmente no Jornal do Brasil, do Rio de Janeiro. Taí como eles apareciam.

Você publicava um anúncio no domingo, na seção “Classificados”. E esperava uma resposta. Entre cartas e telefonemas, os casais swingeiros do Brasil conseguiam três ou quatro trocas. Por ano!

Isso mesmo. Entre troca de fotos, de correspondências, combinar encontros, se conhecer, etc. etc. etc., demorava uns quatro meses. Casais experientes, portanto, tinham uns quatro encontros sexuais por ano, naqueles tempos.

E eles eram felizes.

(Hoje, se um casal mais animado quiser, pode ter três encontros sexuais com casais diferentes em um sábado comum, na Venus).

E o primeiro clube? Só vai surgir no Brasil em 1983. Em conjunto com uma boate.

Mas isso é história para outro post.

Por enquanto, todos devemos ficar felizes porque existe a Venus. Não tem mais necessidade de anunciar no jornal, de esperar uma semana até as fotos ficarem prontas, de trocar cartas com outros casais, de usar o telefone fixo com o risco das crianças atenderem…

A vida é bela.

banner

 

A Nova Venus

Sim, as fofocas que andam correndo pelo mundo liberal são verdadeiras.

A Venus está de mudança!

Mas, calma. Não é para agora. É para daqui a pouco. No começo de 2015 ainda estaremos em nosso maravilhoso local tradicional. E, enquanto as obras forem sendo concluídas, atualizaremos as informações, colocaremos as fotos, informaremos o local exato.

Mas dá para falar algumas coisas. Em primeiro lugar, fica muito perto de onde a Venus é hoje. Dá, mais ou menos, umas duas quadras de distância, se tanto. Ou seja, estamos mudando para que a estrutura fique maior, mas não para outro espaço da cidade. Achamos nosso cantinho.

Segundo: nós sabemos que a Venus, atualmente, é linda. Quem conhece outros clubes por aí sabe disso. Por isso, não mudaríamos a não ser que fosse para um lugar maior, mais confortável, e com melhor estrutura.

Melhor estrutura que a Venus tem hoje? Como? Ora, estamos completando quase 5 anos de mundo liberal. Aprendemos várias coisas. Está na hora de colocar a nossa experiência na construção de uma casa ainda melhor.

São, para começo de conversa, 3 mil metros quadrados. É tão gigantesca (é quase o dobro do que a Venus é hoje) que, nos primeiros meses, usaremos “apenas” 2 mil metros quadrados de área construída.

Além disso, estamos construindo o que será um verdadeiro parque de diversões do mundo liberal. Vai ter aquário, labirinto, glory holes, cabines, espaços vip (muitos espaços vip – todos com banheiro!), dois dark rooms, camões exclusivos… É a disneilândia liberal. Uma pornolândia.

Aliás, as obras ainda estão no começo. Então, dê sua sugestão. O que você gostaria de encontrar na Nova Venus?

Beijos,
Casal Venus (É! Aquele!)

banner